• UPA CANUDOS 24 horas - A primeira UPA do Rio Grande do Sul
  • Anexo I do Hospital Municipal - Nova Emergência e Mais 60 Leitos - 100% SUS
  • Anexo I do Hospital Municipal - Nova Emergência e Mais 60 Leitos - 100% SUS

Atendimento do Mais Médicos é considerado bom ou ótimo por 99% dos atendidos

  • Depois da consulta e do encaminhamento de exames, Helenice foi atendida pela atendente de farmácia da USF, Neiva Maria.
  • Dra. Ilena Cabrales Rey durante atendimento da dona de casa Helenice Ávila da Silva
  • Dra. Ilena Cabrales Rey durante atendimento da dona de casa Helenice Ávila da Silva, e seu filho Abner Ávila da Silva, de 5 anos
  • Após a consulta, Helenice foi atendida pela assistente administrativa Rosane Becker Flores para encaminhar exames
Parar animação

O atendimento recebido pelos médicos nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e de Saúde da Família (USFs) vem recebendo uma importante aprovação da comunidade de Novo Hamburgo. Em pesquisa realizada em 12 postos de atendimento, 99% dos entrevistados considerou o atendimento recebido pelo profissional do programa Mais Médicos, do Governo Federal, como bom ou ótimo, sendo que este segundo item obteve 60,45% das respostas. Conforme o prefeito Luis Lauermann, este resultado confirma o quanto foi importante aumentar a abrangência dos serviços de atenção básica. “É nas USFs que a população recebe o primeiro contato médico. Essa qualificação no atendimento é a continuidade que queremos para os nossos serviços públicos”, aponta.O índice apontado pela pesquisa também é consequência do aumento do número de Equipes de Saúde da Família (ESFs) no Município. A estruturação das equipes, juntamente ao aumento do número de unidades de atendimento e os investimentos em equipamentos de saúde também possibilitaram a melhoria do serviço de médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem e agentes comunitários. Com o programa Mais Médicos, Novo Hamburgo conseguiu dar um salto percentual de mais de 130% no número de ESFs. Conforme o secretário de Saúde do Município, Luís Carlos Bolzan, com as 35 equipes compostas, a Prefeitura consegue ter uma cobertura de até 77% da comunidade. “Estamos conseguindo qualificar e aumentar o número de possibilidades de atendimentos. Com as Equipes de Saúde da Família, trabalhamos a prevenção e evitamos que postos de urgência e emergência recebam uma demanda de forma desnecessária”, argumenta.

  • Com galeria de fotos

Acesse outras notícias

  • Hospital Municipal
  • Serviços de Emergência
  • Serviços de Diagnósticos
  • Programas
  • Saúde Mental
  • Atenção Básica
  • Ensino e Pesquisa
  • Informativo FSNH
  • Expresso E-mail
  • Prefeitura Municipal de Novo Hamburgo
rodape rodape rodape